Como trabalhar na Alemanha

São várias as formas de se trabalhar na Alemanha! 

Se você já tem um emprego no Brasil, a empresa pode emitir um documento para dar entrada no processo de visto no Consulado da Alemanha. Mas, também existe um visto específico para que você trabalhe até seis meses, que pode ser solicitado em seu país de origem (tem uma lista de categorias de visto de trabalho no site da Embaixada e Consulados Gerais da Alemanha).

Você também pode fazer um serviço social, ganhando como se fosse uma mesada, que varia entre 450 a 1000 EUR. Ir como “Au Pair”, babá de crianças, ganhando cerca de 280 EUR. E também há a chance de trabalhar nas férias escolares, mas, neste caso, o tempo de estadia máximo é de 90 dias, sendo que você tem várias opções de trabalho: limpeza, restaurantes, na linha de produção em fábricas; o interessante é que neste caso é aceitável um nível de alemão mais modesto.

Agora, se você tem alguma especialidade, dá para utilizar um visto específico para formações acadêmicas reconhecidas na Alemanha (acesse o site da Anabin para saber quais são). Mas se o trabalho não necessitar de uma formação acadêmica, é a mesma coisa que explicamos anteriormente: você solicita para a sua empresa um documento de entrada, assim como o visto de reconhecimento parcial da formação profissional. O caso do conhecido Cartão Azul é para profissionais com diploma “altamente qualificado”, sendo necessário ter um salário bruto anual mínimo requerido pelo país.

UFA! Muito informação, não? Mas calma! *Tem alguma dúvida?* Consulte um profissional da área de imigração no www.lapraca.com.

#trabalharnaalemanha #trabalhonaalemanha #trabalhandonaalemanha #vidanaalemanha #morarnaalemanha

Rosana
Author: Rosana

Compartilhe:

Deixe um comentário